Oração da Manhã: 11 de janeiro de 2018

Oração da Manhã: 11 de janeiro de 2018

Num dia muito quente, um corvo sedento, voou à procura de água. Durante muito tempo, não conseguiu encontrar uma gota. Sentia-se muito fraco e quase desistiu.
De repente, viu um jarro de água mesmo por debaixo dele e percebeu que havia alguma água no interior. Sim, conseguia ver um pouco de água no interior do jarro!

Depois de várias tentativas percebeu que o pescoço do jarro era muito estreito. Mais uma vez, prestes a desistir, olhou à sua volta e viu umas pedrinhas. Pegou nelas, uma a uma, e foi-as deitando dentro do jarro. À medida que as pedras enchiam o jarro, o nível da água subia. Depois de muito trabalho o corvo pode deliciar-se com a água que tanto precisava.