Oração da manhã: dia 10 de novembro de 2015

Oração da manhã: dia 10 de novembro de 2015

Um dia, um cão, ia a atravessar uma ponte com um osso na boca. Olhando para baixo, viu a sua própria imagem refletida na água. Pensando ver outro cão, cobiçou-lhe logo o osso que este tinha na boca, e pôs-se a latir. Porém, mal abriu a boca, o osso que levava na boca caiu na água e perdeu-se para sempre!

Senhor, afasta de mim a ganância. Essa mania que às vezes temos de querer mais e a todo o custo…e querer mais e mais, sem perceber o muito que já somos e temos.